domingo, 26 de dezembro de 2010

"Década de 2010" (Terrorismo-Invasão no Complexo do Alemão)











Invasão no Complexo do Alemão

O Complexo do Alemão é um complexo de 13 favelas da Zona Norte do Rio de Janeiro, sendo umas das áreas mais violentas da cidade. Com uma área de 269,09 ha (2003) (cerca de 3 quilômetros quadrados), o Complexo conta com uma população de 65.026 habitantes (censo de 2000), distribuídos por 18.245 domicílios. Seu núcleo é o Morro do Alemão, apesar de tratar-se de um bairro oficial. Na década de 1920, o imigrante polonês, Leonard Kaczmarkiewicz adquiriu terras na serra da Misericórdia, que era então uma região rural da Zona da Leopoldina. O proprietário era referido pela população local como "o alemão" e logo a área ficou conhecida como Morro do Alemão. A região concentra cerca de 40% dos crimes cometidos no Rio. A região também é conhecida pelos bailes funks, na Chatuba e Grota, além do chamado Baile do Complexo Total. Nesses bailes predominam o funk, consumo de drogas e sexo, inclusive envolvendo exploradores de menores. Em 25 de Novembro de 2010, o BOPE, com apoio da Marinha do Brasil, fez uma operação especial para tomar o controle da Vila Cruzeiro. Os traficantes fugiram para o Complexo do Alemão e, no dia 26 de Novembro, o BOPE, a Polícia Federal, a Polícia Civil, com apoio da sua CORE (Coordenadoria de Recursos Especiais) e as Forças Armadas se posicionaram nos arredores do Complexo do Alemão, buscando tirar o controle do tráfico nesta região, como foi feito na Vila Cruzeiro no dia anterior. A polícia apreendeu mais de 300 motos na Favela do Cruzeiro, onde também foram encontradas munições e cerca de duas toneladas de maconha, além de cocaína e crack. O Complexo do Alemão ainda é o refúgio dos grandes traficantes de favelas vizinhas, tomadas pelas Unidades de Polícia Pacificadora. Os traficantes, diante da perda de território, passaram a cometer atos terroristas pela metrópole do Rio de Janeiro, gerando desordem e pânico na população. Em 27 de novembro de 2010, o BOPE e as forças armadas fizeram uma operação para a retomada do Complexo do Alemão e mandaram um comunicado ordenando aos envolvidos que se entregassem até o pôr do sol. Os traficantes fugiram pela mata, devido a sua topografia desigual. Nesta operação, o BOPE apreendeu cerca de dez toneladas de maconha, cocaína, crack e armas de grosso calibre. No dia 28 de novembro, no início da manhã, cerca de 31 traficantes se renderam à polícia. O Complexo do Alemão foi controlado pela Polícia do Estado, com o apoio das Forças Armadas. Prevê-se que o Exército permaneça na área por mais um ano e meio, até que seja instalada uma Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) na região. Um marco histórico para o Rio de Janeiro e consequentemente para o Brasil. Surge uma esperança de um futuro de Paz e Justiça.

quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

"Década de 2010" (Personalidades - John Lennon)

John Lennon

Imagine

John Winston Lennon MBE (Liverpool, 9 de Outubro de 1940 - Nova Iorque, 8 de Dezembro de 1980) foi um músico, compositor, escritor e ativista britânico em favor da paz. John Lennon ganhou notoriedade mundial como fundador do grupo de rock britânico The Beatles. Na época da existência dos Beatles, John Lennon formou com James Paul McCartney o que seria uma das mais famosas duplas de compositores de todos os tempos, a dupla Lennon/McCartney. John Lennon foi casado com Cynthia Powell, e com ela teve um filho, Julian. Em, 1966, conheceu a artista plástica japonesa Yoko Ono. Em 1968, lennon e Yoko produziram um álbum experimental, "Unfinished Music Nº1: Two Virgins", que causou controvérsia por apresentar o casal nu, de frente e de costas, na capa e contracapa. A partir deste momento, John e Yoko iniciaram uma parceria artística e amorosa. Cynthia Powell pediu o divórcio no mesmo ano, alegando adultério. Em 1969, o casal se casou numa cerimônia privada no Rochedo de Gibraltar. usaram a repercussão de seu casamento para divulgar um evento pela paz, chamado de "Bed in", ou "John e Yoko na cama pela paz", como um resultado prático de sua lua-de-mel, realizada no Hotel Hilton, em Amsterdã. No final do mesmo ano, Lennon comunicou aos seus parceiros de banda que estava deixando os Beatles. Em 10 de abril de 1970, Paul McCartney anunciou oficialmente o fim dos Beatles. Durante a década de 1970, John e Yoko envolveram-se em vários eventos políticos, como promoção à paz, pelos direitos das mulheres e trabalhadores e também exigindo o fim da Guerra do Vietnã. Em 1980, após reconciliação com Yoko, o casal gravou em estúdio um novo álbum, "Double Fantasy", lançado em novembro. Era como um recomeço. Porém em 8 de Dezembro do mesmo ano, John foi assassinado em nova York por Mark David Chapman, quando retornava do estúdio de gravação junto com a mulher, o assassino era fã dos Beatles e de john, que acabou disparando 5 tiros com revólver calibre 38, os quais 4 acertaram em John Lennon. Em 2002, John entrou em oitavo lugar em uma pesquisa feita pela BBC como os 100 mais importantes britânicos de todos os tempos. Recentemente, em 2008, John foi considerado pela revista Rolling Stone, o 5º melhor cantor de todos os tempos. 30 anos após sua morte, o mundo ainda recorda, se emociona e homenageia um dos maiores ídolos da música mundial, várias foram as homenagens entre elas um álbum com sua canções.

"Imagine nenhuma propriedade, eu me pergunto se você consegue. Nenhuma necessidade de ganância ou fome. Uma fraternidade de homens. Imagine todas as pessoas compartilhando o mundo todo". (John Lennon)

domingo, 28 de novembro de 2010

Pensamentos (Livro Ágape)


" A inteligência sem amor te faz perverso,
A justiça sem amor te faz implacável,
A diplomacia sem amor te faz hipócrita.
O êxito sem amor te faz arrogante.
A riqueza sem amor te faz avarento
A docilidade sem amor te faz servil
A pobreza sem amor te faz orgulhoso
A beleza sem amor te faz ridículo
A autoridade sem amor te faz tirano.
A O trabalho sem amor te faz escravo.
A simplicidade sem amor te deprecia.
A lei sem amor te escraviza.
A política sem amor te deixa egoísta.
A vida sem amor... não tem sentido."
(Livro Ágape)

sábado, 27 de novembro de 2010

"Década de 2010"(Catástrofe-Mineiros soterrados no Chile)




Mineiros Soterrados no Chile
Uma catástrofe aconteceu em uma mina no Chile no dia 05 de Agosto de 2010 e 33 mineiros foram soterrados. Após 17 dias do soterramento no Chile os mineradores se comunicaram, por meio de um bilhete, afirmando que todos estavam vivos. "Estamos bem, no refúgio, os 33", afirma a mensagem escrita em um papel com letras vermelhas, que chegou à superfície através de uma sonda que alcançou o refúgio de emergência, a 688 metros de profundidade. Apartir daí, criou-se uma espectativa mundial sobre o Resgate dos Mineradores. Foi montada uma máquina perfuradora, a Strata 950 para abrir um túnel e resgatar a equipe que estava soterrada. Três planos, A, B e C foram executados ao mesmo tempo para garantir a máxima assistência aos mineradores. A cápsula que desceu até eles foi equipada com oxigênio, microfone e alto-falantes, desta forma foi possível manter contato durante toda a operação. A Marinha auxiliou através de três gaiolas batizadas com o nome de Fênix. Depois de 70 dias e do anuncio de várias datas para começar o resgate dos mineiros no Chile, no dia 12 de Outubro de 2010, aproximadamente às 20 horas, o primeiro socorrista desceu pelo buraco feito propriamente para este feito. Tudo ocorreu como previsto, ou melhor, com maior agilidade do que esperado - o trajeto da cápsula tanto na descida quanto na subida, levou cerca de 15 minutos. É uma grande vitória para toda a nação que torceu pela vida desses trabalhadores. Os 33 mineradores resgatados foram homenageados pelo governo do Chile. Eles foram saudados como heróis por centenas de cidadões no centro da capital e receberam medalhas do Bicentenário da Independência Chilena.

terça-feira, 23 de novembro de 2010

"Década de 2010" (Personalidades-Renato Aragão)

Renato Aragão
Antônio Renato Aragão (Sobral, 13 de janeiro de 1936) é um ator, diretor, produtor, humorista, escritor, apresentador e cantor brasileiro, famoso por liderar a série televisiva "Os Trapalhões", nas décadas de 1970 e 1980. É também conhecido como Didi Mocó, ou apenas Didi, seu principal personagem. Nascido no interior do Ceará, em 1955, tornou-se oficial do Exército (segundo -tenente de infantaria), formado pelo CPOR. Formou-se em Direito, na Faculdade de Direito do Ceará em 1961. Aos 24 anos, inscreveu-se e venceu um concurso da TV Ceará para trabalhar como "realizador" - uma espécie de diretor, redator e produtor de programas. O primeiro progrma de televisão de que participou foi "Vídeo Alegre". Em 1964, Renato mudou-se para o Rio de Janeiro a fim de estudar direção de programas e logo foi contratado pela TV Tupi, São Paulo para trabalhar no humorístico A E I O URCA. A mudança para a TV Excelsior em 1966 lhe proporcionou a oportunidade de criar um humorístico próprio; nascia então "Os Adoráveis Trapalhões", em que contracenava com Wanderley Cardoso, Ivon Cury e Ted Boy Marino. Apesar de ter participado de muitos outros programas humorísticos, Aragão nunca se esqueceria da fórmula utilizada em Adoráveis Trapalhões, e finalmente conseguiria consagrá-la em 1974, ao estrear "Os Trapalhões", já regresso à TV Tupi, ao lado de (Dedé Santana, Mussum e Zacarias). Renato Aragão atuou em diversos filmes, tendo alguns recebido premiações estrangeiras, como "Os Vagabundos Trapalhões e O Cangaceiro Trapalhão", no Festival Internacional de Cinema para a Infância e Juventude (Portugal), em 1984, e "Os Trapalhões e a Árvore da Juventude", no III Festival de Cine Infantil de Ciudad Guayana (Venezuela), em 1993. Fundou em 1977, a Renato Aragão Produções Artísticas Ltda. Em 1991, tornou-se representante especial do UNICEF e Embaixador do mesmo Órgão, em prol da infância brasileira. O grupo "Os Trapalhões" entrou para o Guinness Book, o livro dos recordes, em 1977, como o humorístico brasileiro que permaneceu por mais tempo em exibição na TV. Renato Aragão é Apresentador do Programa Tradicional e Especial Anual "Criança Esperança". Em 2002, Renato lançou o livro "Meus Caminhos". Em 2008, depois de 15 anos separados, Renato Aragão e Dedé Santana voltam a contracenar no programa "A Turma do Didi". Em 2010, ao completar 50 anos de carreira, Renato Aragão ganhou uma festa surpresa na Basílica de Nossa Senhora Aparecida/SP. O humorista foi surpreendido por dezenas de fiéis, familia e amigos, que aguardavam em frente ao altar onde foi celebrada uma missa em ação de graças. Um especial de final de ano está sendo preparado pela TV Globo em homenagem ao humorista e em 2011, será homenageado pela escola de samba paulista X-9 Paulistana. O enredo será: "De eterna criança a embaixador da esperança... Renato Aragão, Didi Trapalhão!".

quinta-feira, 18 de novembro de 2010

"Década de 2010" (Política-Eleições 2010)


Eleição Presidencial 2010
A Campanha Oficial para Presidência da República, começou em 6 de julho de 2010. O Tribunal Superior Eleitoral aceitou a candidatura de todos os nove candidatos: Dilma Rousseff (PT), José Serra (PSDB), Marina Silva (PV), Ivan Pinheiro (PCB), Zé Maria (PSTU), Levy Fidelix (PRTB), José Maria Eymael (PSDC), Rui Costa Pimenta (PCO) e Plinio Arruda (PSOL). De acordo com as diretrizes do TSE, uma vez que a campanha oficial teve início, os candidatos estão autorizados a participar de passeatas, carreatas e utilizar caminhões de som para pedir votos e distribuir panfletos. O primeiro debate eleitoral entre os principais candidatos à presidência, aconteceu no dia 05 de Agosto de 2010 e foi promovido em São Paulo pela Rede Bandeirantes de Televisão e o último foi dia 28 de Outubro de 2010 promovido pela Rede Globo de Televisão. Durante a campanha, especialmente no segundo turno, o embate entre os candidatos mais votados, Dilma Rousseff e José Serra tornou-se mais acirrado. Algumas questões foram recorrentes nesta fase - na propaganda gratuíta na TV, na Internet e outros meios de comunicação - especialmente: comparação entre os governos Lula e FHC, descriminalização do aborto no Brasil, atuação de Serra e Dilma durante a ditadura militar, religião, comparação entre as propostas de campanha e a ação efetiva dos candidatos quando investidos em cargos públicos, além de outros. A manipulação de informações pelos comitês de campanha e pelos apoiadores de um lado e de outro, especialmente na internet, tornou difícil para os eleitores julgarem o que seriam os fatos verdadeiros e os boatos falsos associados a essas questões polêmicas, entre outros motivos que levaram a campanha presidencial ao segundo turno. No primeiro turno , Dilma Rousseff (PT), mesmo não conseguindo 51% dos votos válidos, venceu em dezoito estados, José Serra (PSDB) venceu em oito estados e Marina Silva (PV) venceu unicamente no Distrito Federal. Aos 31 dias do mês de Outubro de 2010 com 56,05% dos votos, a Senhora Dilma Rousseff do Partido dos Trabalhadores, é eleita a primeira Presidente mulher da República Federativa do Brasil, a assumir em 1º de Janeiro de 2011 sucedendo o também petista e seu padrinho político Luiz Inácio Lula da Silva.

quinta-feira, 11 de novembro de 2010

"Década de 2010" (Enchentes em Alagoas e Pernambuco)




Enchentes em Alagoas e Pernambuco
As enchentes em Alagoas e Pernambuco em 18 de junho de 2010 ocorreram ao longo dos rios Una, Mundaú e Canhoto. Mais de 35 municipios dos dois estados declaram situação de emergência. As chuvas deixaram 38 mortos e deixaram mais de 80 mil desabrigados nos estados de Alagoas e Pernambuco. Um total de 29 municipios (14 em Pernambuco e 15 em Alagoas) em estado de calamidade pública. As inundações atingiram grandes proporções e destruíram diversos municípios. Em Branquinha, no estado de Alagoas, como em várias cidades da região, a cidade foi arrasada. A prefeita da cidade, vendo que seria impossível levantar a cidade à beira do rio, tomou uma atitude ousada: levantar Branquinha em outro lugar, haja vista que a cidade foi completamente arrasada e até mesmo a geografia do lugar foi alterada. Nas cidades da Mata Sul de Pernambuco atingidas pelas enchentes, muita lama ficou nas ruas, dentro das casas e prédios públicos, carros foram virados ou submersos e pontes destruídas. Mas em Palmares, a situação foi alarmante. A enchente destruiu praticamente todo o centro da cidade, além de casas residenciais e comerciais, também foram destruídos todos os documentos públicos, apagando a memória da cidade. No Fórum de Palmares, milhares de documentos estão sob o barro deixado pela enchente. No cartório, as certidões ficaram debaixo d'água. Sem documentos, sem lembrança do passado e sem trabalho, os moradores de Palmares se sentem sem rumo. Procuram achar um ponto para, a partir dele, recomeçar. O Presidente Luis Inácio Lula da Silva, esteve no dia 24 de junho visitando as áreas atingidas e estados vizinhos, junto com o Ministro João Santana anunciou a disponibilização de R$ 550 milhões em verbas para a recuperação dos danos causados pelas enchentes, onde disse em nota ser, "uma das maiores catástrofes do Brasil".

quinta-feira, 28 de outubro de 2010

"Década de 2010" (Catástrofe - Sismo do Haiti)



 
Sismo do Haiti
O Sismo do Haiti de 2010 foi um Terremoto Catastrófico que teve seu epicentro na parte oriental da península de Tiburon, a cerca de 25 Km da capital haitiana, Porto Príncipe, e foi registrado às 16h53m10s do horário local, na terça-feira, 12 de janeiro de 2010. O abalo alcançou a magnitude 7,0M e ocorreu a uma profundidade de 13 Km (8,1mi) O serviço Geológico dos Estados Unidos registrou uma série de pelo menos 33 réplicas sismológicas, 14 das quais eram de magnitude 5,0M a 5,9M. O Comitê Internacional da Cruz Vermelha estima que cerca de três milhões de pessoas foram afetadas pelo sismo; O Ministro do Interior do Haiti, Paul Antoine Bien-Aimé, antecipou em 15 de janeiro que o desastre teria tido como consequência a morte de 100 000 a 200 000 pessoas. Quase duas semanas após o sismo foi relatado que a praia da vila psicatória de Petit Paradis foi atingida por um Tsunami que submergeu a comunidade costeira logo após o terremoto. Quatro pessoas foram arrastadas para o mar pelas ondas. Testemunhas disseram a repórteres que o mar primeiro recuou e em seguida uma onda "muito grande", seguido rapidamente, atingiu barcos em terra varrendo detritos no mar. Há relatos de 21 brasileiros mortos na catástrofe, tendo sido confirmadas as mortes de 18 militares, integrantes da Missão de Paz da ONU no Haiti (Minustah), de Zilda Arns, médica sanitarista e pediatra, fundadora e coordenadora internacional da Pastoral da Criança; além do diplomata brasileiro Luiz Carlos da Costa segunda maior autoridade civil da ONU no Haiti.

"Década de 2010" (Catástrofe-Deslizamentos no Rio de Janeiro)












Deslizamentos no Rio de Janeiro
Em 02/01/2010, no Rio de Janeiro, 30 pessoas morreram nos deslizamentos de terra em Angra dos Reis, elevando para 51 o número de mortes no estado em consequência das chuvas. Na Praia do Bananal, na Ilha Grande, foram resgatados 19 corpos, incluindo uma criança de 4 anos e uma menina de 13 anos. Um deslizamento atingiu a pousada Sankay e casas vizinhas. A encosta desceu sobre a pousada, que é uma das mais luxuosas da Ilha Grande. O deslizamento ocorreu às 3h30m. A maioria dos hóspedes estavam durmindo - disse Fernando Jordão. Os desastres naturais no Rio de Janeiro também ocorreram em abril de 2010, com a chuva que começou no final da tarde de 5 de abril. Os bombeiros chegaram a usar botes salva-vidas para resgatar pessoas que ficaram presas com o transbordamento do Rio Maracanã. O temporal veio acompanhado de uma ventania, que chegou a registrar mais de 70 quilômetros por hora na altura do Forte de Copacabana. no dia 7 de abril, às 22h00, um novo deslizamento ocorreu na cidade de Niterói, mais precisamente no Morro do Bumba, onde foram soterrado cerca de 40 casas. O morro é de fato um lixão desativado desde 1981. Bombeiros estimam que cerca de 200 corpos foram soterrados no local do deslizamento. Segundo especialistas, foi a pior enchente do estado em 46 anos (a pior anterior tendo sido registrada em 1964). Um índice pluviométrico excessivo, somado à maré alta, teriam sido os responsáveis pela erosão de encostas e pela demora no escoamento das águas. A inundação afetou particularmente a cidade do Rio de janeiro, com 48 mortes, e nos arredores, notificados nos municípios de Niterói com 105 vítimas mortais, São Gonçalo, 16 mortes, Nilópolis, Petrópolis, Magé e Engenheiro Paulo Frontin, com uma morte cada.

terça-feira, 19 de outubro de 2010

"Década de 2010" (Música-Lady Gaga / Beyoncé)


Lady Gaga






All The Single Ladies
Lady Gaga / Beyoncé
Artista dos Estados Unidos e outros países fizeram muito sucesso na década de 2000, com destaque principalmente para Britney Spears, Beyoncé, Chris Brown, Shakira, Pink, Eminem, Madonna, Black Eyed Peas e Lady Gaga.
Stefani Joanne Angelina Germanotta (Nova York, 28 de março de 1986), mais conhecida pelo nome artístico "Lady Gaga", é uma cantora, compositora e produtora musical dos Estados Unidos. Lançado em 19 de agosto de 2008, o seu álbum de estreia, The Fame, atingiu o número 1º no Reino Unido, Canadá, Áustria, Alemanha e Irlanda, enquanto nos Estados Unidos teve a posição máxima de número 2º na parada Billboard 200 e 1º na Dance/Eletronic Albums, também da Billboard. Lady Gaga é inspirada por artistas e grupos de glam rick como David Bowie e Queen, além de cantores de música pop como Cher, Madonna e Michael Jackson. Foi listada como a 73ª Artista da Década 2000-10 pela Billboard. Em maio de 2010, a revista Time incluiu-a na sua lista anual das 100 pessoas mais influentes do ano no mundo, a Time 100. Em junho, a Forbes colocou-a na posição de número 4º na sua lista das 100 Mais Poderosas e Influentes celebridades no mundo; também foi classificada a segunda artista musical mais poderosa no mundo. Em agosto, ela ja havia vendido mais de 15 milhões de álbuns e 51 milhões de singles mundialmente. Em outubro, a Forbes colocou Gaga no número 7 em sua lista anual das 100 Mulheres Mais Poderosas do Mundo.
Beyoncé Giselle Knowles (Houston, 4 de setembro de 1981), mais conhecida simplesmente como Beyoncé, é uma cantora, dançarina, compositora, arranjadora vocal, produtora e atriz americana nascida e criada em Houston, no Texas. Cantora desde a infância, Beyoncé se tornou conhecida no ano de 1997, como vocalista do grupo feminino de R&B Destiny's Child, que mundialmente ja vendeu mais de 50 milhões de discos. Em 2003, ela lançou seu álbum de estréia em carreira solo, Dangerously in Love. Em 2004 ela foi premiada com 5 Grammy Awards. Em 2006, ela lançou seu 2º álbum de estúdio, B'Day. No Grammy Awards de 2010, Beyoncé se tornou a artista feminina que mais foi premiada em apenas uma edição da premiação, por vencer 6 das 10 categorias em que estava concorrendo. Atualmente Beyoncé já ganhou ao longo de sua carreira 16 Grammys (13 em carreira solo e 3 com o grupo Destiny's Child). Ela é uma das artistas que mais ganhou esse prêmio. Em sua carreira solo ja vendeu mais de 25 milhões de discos mundialmente. A revista Billboard colocou Beyoncé em 4º lugar na lista dos melhores artistas da década de 2000. Em fevereiro de 2010 a RIAA listou Beyoncé como a artista que mais recebeu certificações na década. No mesmo ano o VHI colocou Beyoncé no número 52 em sua lista dos 100 Maiores Artistas de Todos os Tempos.

segunda-feira, 4 de outubro de 2010

"Década de 2010" (Personalidade-Chico Anysio)


Chico Anysio

Chico City

Escolinha do Professor Raimundo
Francisco Anysio de Oliveira Paula Filho, conhecido como Chico Anysio (Maranguape, 12 de abril de 1931 - Rio de Janeiro, 23 de Março de 2012), foi um humorista, ator, escritor, compositor e pintor brasileiro, notório por seus inúmeros quadros e programas humorísticos na Rede Globo, onde possui contrato até 2012. Ao lado de Chacrinha e Silvio Santos, Chico é considerado um dos maiores nomes de todos os tempos da televisão brasileira. Chico Anysio trabalhou ao lado, ou mesmo dirigindo, os maiores nomes do humor brasileiro no rádio ou na televisão, como: Paulo Gracindo, Grande Otelo, Costinha, Walter D'Ávila, Jô Soares, Renato Corte Real, Tom Cavalcante, Agildo Ribeiro, Ivon Curi, entre muitos outros brilhantes humoristas. Na TV Rio estreou em 1957 o "Noite de Gala". Em 1959, estreou o programa "Só Tem Tantã" lançado por Joaquim Silvério de Castro Barbosa, mais tarde chamado de "Chico Total". Além de escrever e interpretar seus próprios textos no rádio, televisão e cinema, sempre com humor fino e inteligente, Chico se aventurou com relativo destaque pelo jornalismo esportivo, teatro, literatura e pintura, além de ter composto e gravado algumas canções. Compôs vários sucessos com seu parceiro Arnaud Rodrigues, gravados em discos e usados no quadro "Baiano e os Novos Caetanos", em "Chico City". Desde 1968, encontra-se ligado a Rede Globo, onde conseguiu o status de estrela num "cast" que contava com os artistas mais famosos do Brasil. Fez algumas participações em Mini-séries e novelas como: "Que Rei sou Eu?", "Sinhá Moça", "Pé na Jaca" e "Caminhos das Índias". No dia 15 de março de 2007, foi lançado no Casarão Cultural Cosme Velho, no Rio de Janeiro, o documentário "Chico Anysio", sobre os 60 anos de sua carreira. Também em homenagem aos 60 anos de carreira de Chico, Ziraldo reuniu vários cartunistas e criou um livro chamado "É mentira, Chico?", reunindo caricaturas dos personagens do humorista, além de um DVD da Globo Marcas, com especiais dos programas do Chico, chamado "Chico Especial!". Atualmente está no ar no programa humorístico "Zorra Total" da Globo. Em 2009, Chico foi tema da escola de samba Unidos do Anil, do Rio de Janeiro, desfilando com o enredo "Chico Total! Sou Anil e Faço Carnaval". Em agosto de 2010, ele foi internado no Hospital Samaritano, em Botafogo, no Rio de Janeiro, para a retirada de uma parte do intestino grosso, após apresentar um quadro de hemorragia digestiva. Em 02/01/2011, foi ao ar no especial de final de ano da Globo, "Chico e Amigos", alguns personagens antalógicos de Chico Anysio divertiram o público como participantes de um reality show, destacando o "Professor Raimundo" como seu personagem mais marcante. Em 23 de abril de 2011, Chico Anysio retornou ao programa "Zorra Total" interpretando a personagem Salomé. No quadro, Salomé conversava "de mulher para mulher" com a presidente Dilma Rousseff. No dia 30 de novembro de 2011, foi internado novamente, devido a uma infecção urinária. Recebeu alta 22 dias depois, em 21 de dezembro de 2011, mas já no dia seguinte voltou a ser internado, com hemorragia digestiva. Em fevereiro de 2012 foi diagnosticado com uma infecção pulmonar. Apresentou uma piora nas funções respiratórias e renal em 21 de março de 2012. Com a saúde cada vez mais debilitada, veio a morrer no dia 23 de março de 2012, após sofrer uma parada cardiorrespiratória causada por falência múltipla dos órgãos, decorrente de choque séptico causado por infecção pulmonar. No dia 25 de março, foi cremado no Cemitério do Caju. De acordo com Paulo César Pimpa, seu advogado, o humorista pediu em testamento que metade das cinzas seja espalhada em Maranguape, Ceará e a outra, em uma floresta nos fundos do estúdio do Projac, no Rio.

"Década de 2000" (Personalidades - Rogério Cardoso e Nair Bello)

Rogério Cardoso e Nair Bello

Rogério Cardoso Furtado (Mococa, 7 de março de 1937Rio de Janeiro, 24 de julho de 2003) foi um ator e humorista brasileiro. Começou em 1958 no teatro, e ao todo chegou a fazer mais de quarenta peças. A carreira televisiva teve início em 1963 na Excelsior, onde participou dos programas humorísticos "A Cidade se Diverte", "Moacyr Franco Show" e "Times Square". Na Record, fez a Praça da Alegria. É também lembrado, por, na década de 1970, ter estrelado um comercial cômico da Volkswagen Variant. Com seus personagens sempre cômicos e marcantes, conseguiu conquistar o gosto do público. Entre eles, o estudante "Rolando Lero" do programa (Escolinha do Professor Raimundo), liderado por Chico Anysio, na Globo. Seu outro grande personagem de sucesso veio interpretando o "Salgadinho", na telenovela Explode Coração, motivando a tentar carreira na política, elegendo-se vereador pelo PFL do Rio de Janeiro, em 1996. Seu último trabalho na televisão, era ao lado da atriz Nair Bello no programa Zorra Total, onde interpretava o personagem Epitáfio, e aparecia toda semana na TV com o personagem Seu Flô, no programa A Grande Família, um dos mais tradicionais da Rede Globo. Rogério Cardoso morreu na manhã do dia 24, em sua casa no Rio de Janeiro, aos 66 anos. Ele teria sofrido um infarto fulminante. Foi enterrado na sua cidade natal Mococa.
 

Nair Bello Sousa Francisco (Santa Ernestina, 28 de abril de 1931São Paulo, 17 de abril de 2007) foi uma atriz e humorista brasileira. Sua carreira, que foi marcada pelo humor ao interpretar seus personagens, não se limitou ao trabalho de locutora e atriz no rádio e televisão. Começou sua vida profissional aos dezoito anos (1949), na extinta Rádio Excelsior e trabalhou também na Rádio Record. Dois anos depois de seu início de carreira, estreou no cinema em Liana, a Pecadora (1951), filme em que contracenou com Hebe Camargo, sua grande amiga. O teatro a conheceria anos mais tarde, em 1976, em "Alegro Desbum", peça de Oduvaldo Vianna Filho. Em 1953, Nair Bello casou-se com Irineu de Souza Francisco, com quem viria a ter os filhos Manuel (morto em 1975, aos vinte anos), José, Maria Aparecida e Ana Paula. Seu grande sucesso acabou se dando com a TV. Nair começou como garota-propaganda e participou de diversas novelas e minisséries em 1958. Em 1960 participou como atriz coadjuvante no seriado infantil A Turma dos Sete, na TV Record. Um de seus personagens de maior destaque foi Dona Santinha, a dona da pensão, que usava o seu tamanco para se defender dos trapaceiros. O quadro humorístico "Epitáfio e Santinha" foi uma criação de Renato Corte Real, em 1961, na TV Record, no programa Grande Show União, baseado na antiga história em quadrinhos Pafúncio e Maroca. Ela ficou no ar com Dona Santinha e com o também humorista Pagano Sobrinho, durante três anos, a partir de 1961, na TV Record, indo depois para a TV Rio. Estrelou o seriado Dona Santa, exibido pela Bandeirantes em 1982, com grande sucesso, onde interpretava uma taxista que sustentava a família. No dia 07 de Abril de 2000, foi convidada junto a Hebe Camargo e Lolita Rodrigues para uma entrevista no Programa do Jô na Rede Globo e falaram sobre o tão temido hino à 'televisão brasileira'.Seu último trabalho foi pela Rede Globo, fazendo parte do programa Zorra Total, no papel de "Dona Santinha", em parceria com o humorista Rogério Cardoso. Em 2002, foi operada devido a um edema pulmonar agudo causado pelo fumo. No mês de outubro de 2006 Nair Bello retirou um tumor maligno de um dos seios. Faleceu em 17 de abril de 2007 de falência múltipla dos órgãos, após ter passado vários meses em coma na UTI em decorrência de uma parada cardiorrespiratória. Foi sepultada no Cemitério do Araçá em São Paulo, Brasil. 

sábado, 25 de setembro de 2010

"Década de 2000" (Música - Funk e Mulheres-Fruta)



 
O funk carioca é um estilo musical oriundo do Rio de Janeiro, mais precisamente das favelas. Apesar do nome, é diferente do funk originário dos Estados Unidos. Isso ocorreu, pois a partir dos anos 1970 eram realizados bailes black, soul, shaft ou funk, com o tempo, os DJs foram buscando novos ritmos de música negra, mas o nome original permaneceu. O funk carioca tem uma influência direta do Miami Bass e do Freestyle. O termo baile funk é usado para se referir a festas ou discotecas que tocam funk carioca. O funk conseguiu mascarar seu ritmo, mostrando-se mais parecido com um rap americano e integrando-se mais às demais classes sociais cariocas. Sua batida repetitiva, denominada pancadão ou tamborzão, é inspirado em batidas do Miami Bass e do rap americano. Isso contribuiu para que mais pessoas se tornassem seus adeptos, fazendo com que o estilo chegasse a movimentar cerca de 10 000 000 de reais por mês no estado do Rio de Janeiro entre os anos de 2007 e 2008. Algumas letras eróticas e de duplo sentido, normalmente desvalorizando o gênero feminino, também revelam uma não originalidade, ao copiar outros estilos musicais populares no Brasil, como o Axé music e o forró. O funk ganhou espaço fora do Rio e ganhou conhecimento internacional quando foi eleito umas das grandes sensações do verão europeu de 2005 e ser base para um sucesso da cantora inglesa MIA, "Bucky Done Gun". Um dos destaques dessa fase e que foi objeto até de um documentário europeu sobre o tema é a cantora Tati Quebra-Barraco, que se tornou uma figura das mulheres que demonstram resistência à dominação masculina em suas letras, geralmente de nível duvidoso, pondo a mulher no controle das situações e as alienando. Em 2011, foi realizado a "Batalha dos Passinho", um estilo de dança criado nos bailes e inspira em passos de outros estilos musicais como o ballet clássico, o jazz, o hip hop e o frevo. Com o sucesso do Funk surgiram as Mulheres-fruta.
Mulheres-fruta é a designação dada a um fenômeno do funk carioca surgido na primeira década do século XXI, quando uma série de dançarinas começou a ganhar destaque no cenário do funk brasileiro. O sucesso logo se espalhou para outras mídias, sendo citadas desde a página da Academia Brasileira de Letras, músicas, participações no Carnaval no Rio de Janeiro, até a chamada mídia erótica, com inúmeras capas de revistas publicadas num curto período. Tal sucesso remete à referida "paixão nacional", o bumbum, que desde as duas polegadas a mais que tiraram o título de Miss Universo 1954 de Martha Rocha aos 119 cm da Mulher-Melancia, teriam cativado o público brasileiro.  Andressa Soares (28 de março de 1988), também conhecida como Mulher-Melancia e Garota-Melancia, foi a primeira dançarina a receber os nomes de frutas que se tornaram referências entre as dançarinas de funk no Rio de Janeiro. Apareceu no cenário nacional como dançarina do cantor MC Créu. Ellen Cardoso (São Paulo, 13 de julho de 1981), também conhecida como Mulher-Moranguinho, substituiu Andressa Soares após sua saída do grupo de MC Créu. Conhecida no meio artístico, fazia strip-tease no programa O Melhor do Brasil e era também ex-dançarina do grupo de axé Swing Baratinha. Em 2009, posou nua para a revista Sexy na edição de fevereiro e foi rainha de bateria da escola da Paraíso do Tuiuti, em 2009. Suellen Aline Mendes Silva (Guaratinguetá, 4 de dezembro de 1986), também conhecida como Mulher-Pêra, já iniciou em carreira solo no mundo artístico e lançou um CD. Em 2010, se candidatou ao cargo de deputada federal pelo estado de São Paulo, mas obteve apenas 3136 votos, considerados insuficientes para conquistar uma vaga na Câmara Federal. Foi divulgado na imprensa que Suellem não havia obtido nenhum voto, no entanto o que ocorreu é que seus votos haviam sido anulados pelo TRE por questões burocráticas. Em 2012, ela se candidatou à vereadora na cidade de São Paulo, pelo PT do B. Com 2.126 votos, não conseguiu ser eleita. Gracy Kelly (Rio de Janeiro, 05 de abril de 1984), também conhecida como Mulher-Maçã, recebeu o apelido graças ao funk A maçã, o fruto proibido, gravado por ela. Já foi cantora e dançarina do MC Leozinho, do Movimento Funk Clube e do MC Serginho. Fabiana Stella, conhecida como Mulher-Cereja, é uma dançarina do MC Créu. Daiane Cristina, também conhecida como Mulher-Jaca, é prima de Andressa Soares e também fez parte do grupo de dançarinas do MC Créu.

domingo, 19 de setembro de 2010

"Década de 2000" (Personalidades - Bill Gates)













Bill Gates


William Henry Gates III KBE, GCIH, (Seattle, 28 de outubro de 1955) mais conhecido como Bill Gates, é um magnata, filantropo e autor norte-americano, que ficou conhecido por fundar junto com Paul Allen a Microsoft, a maior e mais conhecida empresa de software do mundo em termos de valor de mercado. Gates ocupa atualmente o cargo de presidente não-executivo da Microsoft, além de ser classificado regularmente como a pessoa mais rica do mundo, posição ocupada por ele de 1995 a 2007, e em 2009. É um dos pioneiros na revolução do computador pessoal. Gates nasceu em uma família de classe média de Seattle. Seu pai, William H. Gates, era advogado de grandes empresas, e sua mãe, Mary Maxwell Gates, foi professora da universidade de Washington e diretora de bancos. Bill Gates e as suas duas irmãs, Kristanne e Libby, frequentaram as melhores escolas particulares de Seattle, sua cidade natal, e Bill também participou do Movimento Escoteiro ainda quando jovem. Bill Gates, foi admitido na prestigiosa Universidade Harvard, (conseguindo 1590 SATs dos 1600 possíveis) mas abandonou o curso de Matemática e Direito no 3º ano, para dedicar-se à Microsoft. Trabalhou na Taito com o desenvolvimento de software básico para máquinas de jogos eletrônicos (fliperamas) até seus 16 anos. Aos 17 anos, desenvolveu junto com Paul Allen um software para leitura de fitas magnéticas, em um chip Intel 8008. Com esse produto, Gates e Allen criaram uma empresa, a "Traf-o-Data", porém os clientes desistiram do negócio quando descobriram a idade dos donos. Enquando estudavam em Harvard, os jovens desenvolveram um interpretador da linguagem BASIC para um dos primeiros computadores pessoais lançados nos Estados Unidos - o Altair 8800. Após um modesto sucesso de comercialização deste produto, Gates e Allen fundaram a Microsoft. Em 2 de março de 2005, Gates foi condecorado com o título de Comandante Cavaleiro do Império Britânico. Em 16 de junho de 2006, ele anunciou que iria deixar progressivamente o cargo de diretor da Microsoft até 2008 para poder se ocupar da fundação de caridade "Bill & Melinda Gates Foundation". No dia 27 de junho de 2008, Bill Gates retirou-se definitivamente da Microsoft. Em 1998 foi eleito como a 1ª de 50 celebridades mais importantes da história. A revista Time descreveu Bill Gates como uma das 100 Pessoas mais Importantes do Século e também entrou para a lista Time 100 três vezes consecutivas em 2004, 2005 e 2006. A revista também inclui Gates e sua esposa, Melinda, na Pessoa do Ano por suas atividades filantrópicas. Em 2006 Gates foi eleito o 8º herói contemporâneo.

domingo, 12 de setembro de 2010

"Década de 2000" (Saúde - Cirurgias Plásticas)
















Cirurgias Plásticas
A Década de 2000 também é conhecida na área de Saúde, como a "Década das Cirurgias Plásticas". O Brasil ocupa o segundo lugar no ranking mundial de cirurgias plásticas, só perde para os EUA. Segundo pesquise do Ibope encomendada pela coordenação do XI Simpósio Internacional de Cirurgia Plástica, no ano de 2009 foram realizadas no Brasil 645.464 cirurgias plásticas, sendo 443.145 cirurgias estéticas (69%) e 202.319 cirurgias reparadoras (31%). Ou seja, 1.768 cirurgias por dia. 82% são realizadas em pessoas do sexo feminino e os procedimentos mais requisitados pelas mulheres são: cirurgia de mama (19% - 98.699), lipoaspiração associada à outras cirurgias (17% - 86.925) e abdômen (16% - 84.478). Sendo assim, as cirurgias de mama e lipoaspiração continuam liderando o ranking das plásticas mais realizadas. Já no que diz respeito ao universo masculino, a pesquisa constatou que em 2009 foram 119.217 cirurgias, ou seja, os homens correspondem a uma fatia de 18% dos procedimentos cirúrgicos. As cirurgias mais realizadas são: pálpebras (16% - 119.217), lipoaspiração isolada (13% - 15.027), nariz (13% - 15.778) e orelha (11% - 12.622). Se nos anos 80 a maioria das cirurgias ainda eram reparadoras, a vontade de aumentar as mamas já existia e a prótese mais utilizada era a de 100 ml a no máximo 150ml de silicone. Já no decorrer da década de 90 a procura pela prótese teve um crescimento significativo e a quantidade de silicone implantado passou a ser de 180 ml a 210 ml. Agora, nos anos 2000, a década começou com próteses de 235 ml e, nos últimos dois anos, as mais procuradas foram de 300 ml. A maioria dos procedimentos cirúrgicos é de caráter privado, executados em hospitais particulares ou clínicas (88%), enquanto apenas 12% em hospitais públicos, via SUS. A região do Brasil que mais se submete à cirurgia plástica estética é Sudeste (64%), o Nordeste (10%), o Norte (10%) e o Centro-Oeste (8%).

quarta-feira, 8 de setembro de 2010

"Década de 2000" (Personalidades - Miguel Arraes)








Miguel Arraes

A volta de Miguel Arraes após 15 anos de exílio


Miguel Arraes de Alencar (Araripe, 15 de dezembro de 1916) - Recife, 13 de agosto de 2005), foi um advogado, economista e político brasileiro. Popularmente conhecido como "Pai Arraia" ou "Dr. Arraes", Miguel Arraes foi uma personalidade de destaque no cenário nacional, membro e importante líder do Partido Socialista Brasileiro (PSB). Naceu no interior do Ceará, único filho homem de Maria Benigna Arraes de Alencar e José Almino de Alencar e Silva. Casou-se duas vezes e teve oito filhos destacando-se, Guel Arraes (diretor de TV e cinema), Ana Arraes (Deputada Federal e Mãe do atual governador de Pernambuco Eduardo Campo). Foi prefeito do Recife , deputado estadual, deputado federal e por três vezes governador do estado de Pernambuco. Em 1932, aos dezessete anos, foi aprovado no vestibular da Faculdade de Direito da Universidade do Brasil (atual UFRJ). Simultaneamente, também foi aprovado no concurso público de Escriturário do Instituto do Açúcar e do Álcool (IAA), sendo lotado em Recife. Formou-se em 1937 e no ano seguinte foi promovido a assistente do diretor de Fiscalização passando depois a ser chefe de Secretaria. Em 1943 ascendeu a Delegado Regional, ocupação que deixou em 1947, ao assumir a Secretaria de Fazenda do Estado de Pernambuco. Elegeu-se governador em 1962, com 47,98% dos votos, pelo Partido Social Trabalhista (PST), apoiado pelo Partido Comunista Brasileiro (PCB) e setores do Partido Social Democrático (PSD). Seu governo foi considerado de esquerda, pois forçou usineiros e donos de engenho da Zona da Mata do Estado a estenderem o pagamento do salário mínimo aos trabalhadores rurais (o Acordo do Campo) e deu forte apoio à criação de sindicatos, associações comunitárias e às ligas camponesas. Com o golpe militar de 1964, tropas do IV Exército cercaram o Palácio das Princesas (sede do governo estadual). Foi-lhe proposto que renunciasse ao cargo para evitar a prisão, o que prontamente recusou para, em suas palavras, "não trair a vontade dos que o elegeram". Em consequência foi preso na tarde de 1º de abril. Deposto, foi encarcerado em uma pequena cela do 14º Regimento de Infantaria do Recife, sendo posteriormente levado para a Ilha de Fernando de Noronha, onde permaneceu por onze meses. Após receber o Habeas Corpus, Arraes foi orientado por seu advogado, Sobral Pinto, a exilar-se, sob pena de voltar a ser preso pela ditadura. Libertado em 25 de maio de 1965, exilou-se na Argélia. Durante o exílio foi condenado a revelia por 23 anos de prisão pelo crime de "subersão". Em 1979, com a anistia, volta ao Brasil e à política. Cerca de 50 mil pessoas estiveram presentes no bairro de Santo Amaro para o comício de boas vindas. Elegeu-se Deputado Federal (1982), Governador de Penambuco (1986). Seu governo foi caracterizado por programas voltados ao pequeno agricultor, como o "Vaca na Corda" o "Chapéu de Palha", que empregava canavieiros, no período da entre-safra e o programa foi a eletrificação rural. Foi eleito mais uma vez em 1994, aos 78 anos. Seu último governo foi marcado pela crise financeira do estado e pela greve dos policias civil e militar. Perde a reeleição. Em 2002, com 86 anos, vence sua última eleição, elegendo-se o quarto deputado federal mais votado do estado de pernambuco. No dia 12 de agosto de 2005, Miguel Arraes faleceu depois de 59 dias de internação na UTI do Hospital Esperança, no Recife. Na ocasião de sua morte o presidente Lula divulgou a seguinte nota, após decretar luto oficial por três dias: "Arraes foi, sem dúvida, uma das maiores lideranças das lutas populares que marcaram a segunda metade do século 20 no Brasil".

domingo, 5 de setembro de 2010

"Década de 2000" (Tragédia-Acidente do Air France 447)















Acidente Air France 447
O voo Air France 447 era um voo vegular de longo curso, operado pela companhia Francesa Air France, entre o Rio de Janeiro e Paris. No dia 31 de maio de 2009, às 19h3min (horário de brasília), partiu do Aeroporto Internacional do Rio de Janeiro/Galeão, com 12 tripulantes, e 216 passageiros, incluindo um bebê, sete crianças, 82 mulheres e 126 homens. O voo deveria pousar às 11h10min locais - 6h10min no horário de brasília - no Aeroporto de Paris-Charles de Gaulle, em Paris. O último contato verbal foi à 1h30min UTC de 1 de junho, segunda-feira, ao aproximar-se de Waypoint INTOL, a 565 km da cidade de Natal. A tripulação informou que esperava entrar em 50 minutos no espaço aéreo controlado pelo Senegal, no waypoint TASIL, e que o avião voava normalmente. O desaparecimento se deu após a saída da zona de cobertura pelo radar brasileiro e alguns minutos antes da entrada no espaço aéreo sob o controle do ACC Dakar, o que deveria ter ocorrido às 2h20min GMT. O último contato com o avião foi quatro horas após a partida, a cerca de 1.228 km de Natal, quando cerca de dez mensagens automáticas ACARS indicaram falhas em vários sistemas elétricos e um possível problema de pressurização. Na altura o avião atravessava uma área com formações Metereológicas pesadas. às 2h14min UTC chegou a última mensagem, um aviso sobre a velocidade vertical da cabine, o que significa que o ar externo penetrou na aeronave, o que pode indicar despressurização ou mesmo que, a essa altura, o A330 já estivesse em queda. A 2 de junho foi confirmada pelo ministro da defesa brasileiro Nelson Jobim a queda do aparelho, numa área próximo ao arquepélogo de São Pedro e São Paulo, cerca de 270km a sul/sudeste da última localização conhecida da aeronave. No dia 14 de junho de 2009, a FAB informou que foram encontrados 43 corpos. Em 25 de junho, foi encontrado mais um corpo. Foram reconhecidos 14 corpos de vítimas do acidente, dentre os quais 10 brasileiros. Após 26 dias de operações de buscas por corpos e destroços do voo, os comandos da Aeronáutica e da Marinha decidiram encerrar as operações.